quinta-feira, 11 de julho de 2013

A verdade sobre a ida do homem à Lua

Tudo começa com os anos da chamada Guerra Fria - uma guerra diplomática, psicológica e armamentista entre as duas grandes potências da época que surgiram após o final da Segunda Grande Guerra, ou seja, Estados Unidos e União Soviética.
Os soviéticos, em termos de corrida aero-espacial, sempre estiveram a frente dos americanos. Em 1957, a União Soviética lançara o Sputinik - o primeiro objeto artificial na órbita do planeta Terra. Em 12 de abril 1961, Yuri Gagarin, cosmonauta russo,  orbita a Terra a bordo da nave espacial Vostok I. Foi nesse episódio que ele pronunciou sua célebre frase: "A Terra é azul". A partir de então, os russos sempre estiverem na dianteira da corrida espacial.
Quando os americanos avançavam em algo, os russos já tinham chegado lá a tempos. Isso incomodou demais a soberania americana. Algo tinha que ser feito, custe o que custasse. E realmente foi feito.
O discurso do presidente Jonh Fitzgerald Kennedy no Congresso Americano em 25 de maio de 1961, quando lançou o desafio de se colocar um homem na lua no prazo de 10 anos, apontava para uma sinistra intenção que, oito anos depois, iria se concretizar. Disse ele: “Acredito que esta nação se deve comprometer em atingir o objetivo, antes do final desta década, de colocar um homem na Lua, e trazê-lo de volta a salvo”.
 
Finalmente, chegou o grande dia: às 13 horas e 32 minutos de 16 de julho de 1969, os astronautas Neil Armstrong, Edwin 'Buzz' Aldrin e Michael Collins partiram na ponta do foguete Saturno V, de Cabo Canaveral na Flórida, Estados Unidos, tripulando a nave Apollo 11 rumo ao solo lunar. Após 04 dias de viagem, o módulo espacial teria pousado na superfície da Lua, tendo Neil Armstrong pisado no satélite em 20 de julho de 1969,  dizendo a célebre frase "Este é um pequeno passo para um homem, mas um grande salto para a humanidade". Nessa época eu tinha apenas 02 anos, e o homem já estava pisando na Lua. Será?
Logicamente, devido ao "frisson" do grande feito, não se percebeu nada de errado na época. Passado alguns anos, começaram a surgir dúvidas, principalmente depois de análises apuradas das fotos tiradas pelos próprios astronautas na Lua. Isso apenas era o começo. Outros eventos viriam para corroborar aquilo que podemos chamar de A FRAUDE DO SÉCULO. Quero aqui sugerir o link: http://www.afraudedoseculo.com.br/ que trata do assunto de modo mais detalhado. 
Em uma análise preliminar,  as fotos oficiais da NASA sobre a missão Lunar mostra sombras em várias direções, dando a entender diversas fontes de luz, quando deveria naquele ambiente haver somente uma fonte de luz - O Sol, o que seria suficiente para fazer todas as sombras terem a mesma direção. Veja a foto que se segue (site oficial da NASA): 
Acessando o endereço http://www.hq.nasa.gov/office/pao/History/alsj/a11/a11pan1111231EvM.jpg ou o endereço http://www.hq.nasa.gov/office/pao/History/alsj/a11/a11pan1111231EvMHR.jpg as fotos estarão com uma maior resolução e nitidez. Em ambas as fotos as direções das sombras dos objetos são diferentes.

A foto abaixo, tirada durante a Missão Apollo 12, tem tanta incoerência que até poderia ser chamada de Jogo dos 7 erros. Olhe atentamente para esta foto e tente encontrar os 7 erros antes de ler as respostas abaixo: 
Eis o link da foto diretamente do síto da NASA (ampliada) : http://www.hq.nasa.gov/office/pao/History/alsj/a12/as12-47-6984-92.jpg

1 - A sombra da antena parabólica está para um lado, a do astronauta para outro e a da bandeira para outro!
2 - A bandeira deveria estar totalmente caída no mastro, devido à ausência de vento na Lua.
3 - Há diversas penumbras na foto, que não deveriam existir num ambiente sem atmosfera.
4 - Há pegadas por toda a parte, que não deveriam existir num ambiente sem umidade. 
5 - Não há estrelas no céu, que deveriam estar mais nítidas na Lua.
6 - No chão, embaixo do Módulo Lunar, não há indícios dele ter pousado ali.
7 - Um astronauta nunca pousaria uma espaçonave bem ao lado de uma cratera!

Conclusão: MONTAGEM CROTESCA

Para resumir essa história que coloca uma mancha na história da humanidade segue um RESUMO dos possíveis erros relacionados a ida do homem à Lua:

1 - Existem diversas fotos com sombras em várias direções, sendo que a única fonte de luz seria o Sol e todas as sombras deveriam ser paralelas.

2 - Fotos com diferentes tamanhos da Terra, vista da Lua, evidenciando montagens desproporcionais.

3 - Existem milhares de fotos com penumbra, sendo que não deveria haver penumbra na Lua devido à ausência da atmosfera.

4 - Faltam as estrelas no fundo de todas as fotos. Com a ausência da atmosfera, as estrelas seriam ainda mais reluzentes.

5 - Nas fotos e vídeos, a bandeira dos EUA aparece tremulando na superfície lunar. Porém, não existe vento na Lua simplesmente porque na Lua não há atmosfera.

6 - Em centenas de fotos, há pegadas dos astronautas na Lua. Mas, seria difícil haver formação de pegadas devido à falta de umidade e de gravidade.

7 - Numa das fotos, há indício de alguém ter colocado embaixo de um dos pés do Módulo Lunar um montinho de terra para que este pé não ficasse no ar.

8 - Pelo que se vê nas fotos, não houve pouso do Módulo Lunar. Ele teria sido colocado delicadamente naquele local. Não há marcas no solo do propulsor da nave.

9 - No mesmo lugar onde o pé do astronauta cria uma profunda pegada na superfície lunar, o pé do módulo lunar se mostra muito delicado na superfície da Lua, sem causar qualquer estrago.

10 - Pelo tamanho do Módulo Lunar, dificilmente existiria nele combustível o suficiente para colocá-lo em órbita novamente.

11 - Não existem, até hoje, filmes fotográficos que resistam à enorme variação de temperatura que ocorre na Lua.

12 - Em 1969, os astronautas conversavam, da Lua, com a NASA, na Terra, em tempo real. Esta tecnologia não existe até hoje.

13 - A radiação solar incidente na Lua, sem atmosfera, é mortal para qualquer ser humano.

14 - Dificilmente existiriam roupas espaciais, na época, que resistissem às enormes variações de temperaturas da Lua (-153ºC a +107ºC).

15 - Dificilmente existiriam roupas espaciais, na época, que resistissem à ausência da pressão atmosférica na Lua.

16 - Extrema semelhança do ambiente das fotos mostradas pela NASA com o Deserto de Nevada, nos Estados Unidos.

17 - Indício de Stanley Kubrick dentro da NASA, que poderia ter auxiliado na criação dos efeitos especiais utilizados na fraude.

18 - Oficialmente, a NASA só teria realizado seis missões tripuladas à Lua, de 1969 a 1972, exatamente durante a gestão do presidente Richard Nixon. Após isso, nunca mais o homem teria voltado à Lua.

19 - Richard Nixon, envolvido em falcatruas que mancharam a imagem dos Estados Unidos, foi o principal articulador do escandaloso Caso Watergate, o qual culminou em sua renúncia durante o primeiro processo de impeachment estadunidense. Nixon poderia ter tramado a fraude do homem na Lua para atrair investimentos para os Estados Unidos. Sua história o condena.

20 - Indício de manipulação na foto do "Jogo dos 7 Erros" mostra várias cruzes distorcidas, mas tais cruzes não poderiam estar distorcidas nem mesmo por lentes objetivas, que ficam do lado externo da câmera, já que essas cruzes fazem parte de um recurso interno da câmera.

21 - Mesmo gastando apenas 6 meses para programar uma nova viagem à Lua na década de 1960, George Bush diz que a NASA gastará 10 anos para levar o homem à Lua novamente.

22 - Plano dos Estados Unidos enviarem o homem à Lua é alterado de 2015 para 2020.

23 - NASA afirma que não deve conseguir levar o homem à Lua novamente até 2020.

24 - Mesmo tendo ciência de que tinha posse de tal material, a NASA nunca exibiu as imagens do primeiro pouso do homem na Lua que teriam sido gravadas em fitas de vídeo e retornado à Terra com qualidade extremamente superior às transmitidas "ao vivo".

25 - Em 2006, a NASA afirma ter perdido os vídeos originais do primeiro pouso na Lua, que teriam qualidade bem superior aos exibidos a todos até hoje.

26 - Em 2009, a NASA declara que, para economizar dinheiro, e sem ter cópias das fitas originais, gravou intencionalmente outras imagens e dados de satélites em cima das fitas originais que continham o fato histórico mais importante da NASA em todos os tempos.

27 - Richard Nafzger, engenheiro da NASA, afirma que o objetivo maior do governo dos Estados Unidos em relação à ida do homem à Lua era para efeito de marketing ao vivo.

28 - Em várias fotos, o local onde se encontram os astronautas aparece bem iluminado, mas os locais ao fundo aparecem muito escuros dando indício de ter sido utilizada iluminação artificial.


Para finalizar, segue abaixo links de vídeos que são documentários sobre a farsa da ida do homem à Lua. Pessoalmente, em vista de tantas provas, de fato o homem não foi à Lua. Certamente isso explica porque NUNCA mais voltamos lá, pois NUNCA fomos. Muitas pessoas, a despeito de tudo isso, continuam crendo nessa mentira. Bem, isso é com cada uma delas; entretanto, para mim está mais do que claro que ainda não dispomos de tecnologia suficiente para levarmos um ser-humano à Lua e trazê-lo são e salvo.
A grande dificuldade técnica para a realização de uma proeza com essa envergadura seria solucionar o problema da RADIAÇÃO no espaço sideral. Há dois tipos de radição no cosmos: a solar (a gerada pelo calor do Sol) e a cósmica ( a que vem do espaço). Ambas são extremamente nocivas a vida, e a partir de determinadas alturas,  essa radiação se adensa cada vez mais, principalmente  na forma de camadas a partir dos 800 km de altura, são os chamados CINTURÕES DE RADIAÇÃO DE VAN ALLEN. Todas as missões anteriores as Apollo voaram abaixo dessas camadas. A missão a Lua foi a primeira a ir tão longe e alto.
Outra dificuldade são as variações de temperatura na superfície Lunar.
Todas as supostas viagens do homem á Lua ocorreram no governo de Richard Nixon, presidente eleito e que depois foi afastado do cargo devido ao escândalo do WATERGATE, quando autorizou escuta e espionagem em adversários partidários. Portanto a Farsa da ida a Lua provavelmente encontrou respaldo político.

https://www.youtube.com/watch?v=UCggxaUPCcY










DEVOCIONAL: Como analisar o episódio descrito à luz da Bíblia? Está escrito que o mundo jaz no maligno"Sabemos que somos de Deus, e que todo o mundo está no maligno". 1 João 5:19 Em um mundo permeado pelo mal, a farsa e a mentira são elementos indispensáveis para compor o cenário. Enfim, muita coisa é puro engano. E por quê? E para quê? Porque manipular a informação é a melhor maneira de manipular as pessoas, e quanto mais manipulação há, mais  poder e dinheiro se agigantam em mãos sinistras. Entretanto, nada vai ficar escondido o tempo todo. Diz as Escrituras: "Mas nada há encoberto que não haja de ser descoberto; nem oculto, que não haja de ser sabido". Lucas 12:2. O homem de fato só conseguirá ir até a lua e lá fincar uma bandeira se pedir permissão a Deus. Sem essa humildade estaremos para sempre contemplando nosso satélite natural de muito longe, em noites de lua cheia.








Nenhum comentário:

Postar um comentário