domingo, 25 de junho de 2017

Terra PLANA (Parte1/4) - O verdadeiro formato do mundo.

A maior prova que a Terra é plana não são as experiências realizadas tendo por base a linha do horizonte. Ou as imagens obtidas a partir de balões que atingem as camadas superiores da atmosfera. Ou as rotas de aviões comerciais. Ou os avistamentos simultâneos do Sol e da Lua Cheia em diversas partes do mundo. Mas a Bíblia. O relato da criação nos dois primeiros capítulos do Gênesis se enquadram melhor e perfeitamente em uma Terra Plana do que em um planeta esférico. Iremos aqui mostrar vídeos, depoimentos e matérias que afirmam ser a Terra plana. Iremos discuti-los em suas implicações nos mínimos detalhes. Não iremos convencer ninguém, porque a verdade por si só convencerá a toda consciência de quem abriu não apenas a mente mas também o coração.


A gravidade não tem respaldo na Terra Plana. A Teoria da Gravitação Universal de Isaac Newton prevê que os corpos sofrem atração entre si. Essa força determinaria o peso das coisas. Essa mesma força seria responsável pelo movimento de órbitas de planetas e satélites naturais. Aqui já percebemos uma incongruência. Pois o peso e o movimento de gravitação dos corpos celestes obedecem a dinâmicas diferentes; portanto, era de esperar que as forças envolvidas sejam diferentes, que para cada tipo de movimento estivesse envolvida uma força de natureza adversa.Outro problema é que a Teoria Clássica de Newton não consegue resolver todos os problemas da mecânica celeste. Entra em cena a Teoria da Relatividade Geral de Albert Einstein, de modo igualmente contestável. Pois afirma que o movimento de gravitação dos corpos celestes é provocado pela deformação do espaço-tempo por um corpo maciço ao seu redor. No caso do Sol, este deformaria o espaço ao seu redor o que permitiria todos os planetas cair em órbita permanente ao seu redor. O próprio conceito de espaço-tempo é algo de natureza empírica, já que até hoje não foi possível fazer sua medição. É apenas uma grandeza conceitual. Mesmo porque espaço e tempo são intangíveis. É tentar medir o pensamento.


Iremos começar nossa jornada com um vídeo que mostra que a Bíblia está repleta de passagens que mostram uma Terra Plana e maravilhosa. Se você não acredita na Bíblia ou em Deus então o vídeo será de pouco valor. "E conhecereis a Verdade e a Verdade vos libertará..."




Na Bíblia é relatado que o SOL parou quando Josué orou ao Senhor para que pudesse vencer os inimigos.  A Bíblia NÃO afirma que a TERRA PAROU, mas diz que O SOL E A LUA PARARAM, melhor ainda, o SOL RETROCEDEU. Essa é mais uma prova que não é a Terra que gira ao redor do Sol, mas que o Sol e a Lua giram ao redor da Terra. Isso derruba o sistema heliocêntrico que coloca o Sol como centro de tudo. Nesse modelo FALSO a terra gira ao redor do Sol e a Lua gira ao redor da Terra. Se fosse assim, não haveria necessidade de Deus fazer a Lua também parar, porque a questão aqui era dar mais tempo a Josué durante o dia para dizimar seus inimigos. Portanto, segurar o Sol bastaria; entretanto Sol e Lua PARARAM. Sendo assim, o modelo da Terra Plana é a verdade que durante tanto tempo foi encoberta.




O Mapa aproximado da Terra Plana. Ressaltando que esse mapa é APROXIMADO. Ainda não temos um mapa preciso que de fato mostre a proporção correta dos continentes e das distâncias.


Afirmar que a Terra é PLANA traz uma série de implicações:


Vejamos essas implicações:

1) A Gravidade não existe. apenas nas fórmulas de matemáticos e cientistas; A teoria da Gravitação Universal de Newton foi criada para justificar esse modelo. Como  tudo não podia ser explicado por essa teoria, anos mais tarde surgiu a Teoria da Relatividade de Einstein, para cobrir os espaços e interrogações deixados por Newton;

2) O sistema de Copérnico ou Heliocêntrico (criado no ano 1500) é uma MENTIRA. Além de ser uma farsa é de natureza maligna, pois coloca o SOL (Hélios= Deus-Sol) no centro e os demais planetas ( nomes de Deuses da mitolgia pagã) girando ao redor;

3) A Terra não gira ao redor do sol (translação) nem ao redor de si mesma (rotação); O experimento   Michelson-Morley  (1887) provou que a Terra é estacionária. A experiência foi repetida dezenas de vezes. Em todas elas não foi possível detectar o movimento da Terra. Michelson  ganhou o Nobel em 1907 por esse experimento;

4) Tudo que existe é o que está relatado no livro bíblico de  Gênesis: a Terra, o Sol, a Lua e as estrelas;

5) Não existem planetas, nem galáxias distantes, muito menos buracos-negros, quasares, pulsares, nebulosas, etc.;

6) Não existe espaço sideral. Tudo que vem depois do firmamento é apenas água e depois escuridão.
8) O homem NUNCA foi à lua, apesar dela estar a apenas algumas dezenas de Km acima da Terra, assim como o Sol. Ninguém não pode pousar na lua, porque ela não é um objeto sólido, mas uma apenas uma fonte de luz de natureza translúcida para iluminar a noite;

9) As estrelas não estão a milhares de anos-luz da Terra. Elas estão inseridas no cúpula do firmamento, imersas no oceano celestial e também giram por cima da Terra ao redor da Estrela Polar, a única estrela imóvel do exército celestial na cúpula do firmamento. Cada estrela brilha de um modo peculiar;

10) Satélites e Estações Espaciais Internacionais existem apenas nos programas de computação gráfica da NASA e ESA. Bem como todas as imagens da suposta Terra Esférica divulgadas ao mundo. Nada é real.




O  vídeo abaixo mostra uma Lua Cheia (100%) e ao mesmo tempo o Sol por completo se pondo no horizonte. Se a Terra fosse esférica esse vídeo só seria possível se feito sobre o pólo Norte da Terra, mas ele foi feito na região de Canudos-BA no Nordeste, próximo a linha do equador. Então sem chances da Terra ser esférica. Tal vídeo só é possível no modelo de Terra Plana. Contra as imagens não há argumentos. Além do mais a sistemática dessa ocorrência é muito bem explicada através de gráficos e confirmada pela filmagem.



 Observe que o próximo  vídeo é uma simulação que procura demonstrar com funciona as estações do ano no plano terrestre. Observe que do lado esquerdo há dois mostradores: o primeiro mostra o dia e o mês; o segundo, mostra as horas e os minutos de cada dia. Acima dos mostradores a estação do ano ao norte do Equador e abaixo dos mostradores a estação do ano abaixo da linha do Equador . A simulação cobre um ano inteiro, de JANEIRO A DEZEMBRO. Mostra que o movimento circular do Sol ora é mais próximo do centro do mapa (MAIS FECHADO); ora é mais afastado do centro do mapa (MAIS ABERTO). É exatamente essa característica do movimento do Sol que determinas as estações do ano, conforme o relato bíblico de Gênesis.


O Hubble é uma grande mentira criada pela NASA para mostrar ao mundo que tem domínio no imaginário universo que criou.
O Observatório Estratosférico Infravermelho de Astronomia (SOFIA) é um projeto conjunto da NASA e do Centro Aeroespacial Alemão para construir e manter um observatório aéreo. A NASA adjudicou o contrato para o desenvolvimento da aeronave, operação do observatório e gestão da parte americana do projeto para a Associação Universitária de Pesquisa Espacial (USRA) em 1996. O DSI (Deutsches SOFIA Institut) gerencia as partes alemãs do projeto que são principalmente ciência e telescópio relacionados. O telescópio SOFIA viu a primeira luz em 26 de maio de 2010. SOFIA é o sucessor do Kuiper Airborne Observatory.
SOFIA é baseado em um Boeing 747, avião de corpo largo que foi modificado para incluir uma porta grande na fuselagem traseira que pode ser aberta em voo para permitir o acesso do telescópio refletor ao céu. Este telescópio é projetado para observações de astronomia infravermelho na estratosfera em altitudes de cerca de 12 quilômetros (41.000 pés). A capacidade de voo de SOFIA permite que ele se eleve acima de quase todo o vapor de água na atmosfera da Terra, o que bloqueia alguns comprimentos de onda infravermelha de atingir o solo. Na altitude de cruzeiro da aeronave, 85% da faixa de infravermelho total estará disponível. A aeronave também pode viajar para quase qualquer ponto na superfície da Terra, permitindo a observação dos hemisférios norte e sul.
E você ainda acredita que existe um telescópio no espaço chamado Hubble, no formato de uma grande lata de lixo, tirando fotos dos confins do universo?
Está na hora de você cair na realidade e saber que tudo o que a NASA e suas afiliadas divulgam ao mundo é mentira.



De acordo com o modelo heliocêntrico, as estrelas, supostamente, mudam a cada 6 meses, mas não é verdade. Não há explicação para isso, porque a Terra é plana e imóvel. As estrelas são pequenas e iluminam a Terra em um circuito abaixo do firmamento (espaço interior). Como os globalistas não têm qualquer explicação para isto, eles simplesmente dizem "mudam" apenas para encobrir toda a sua ilusão. Hoje em dia, as pessoas não querem ouvir a verdade nem saber de pesquisar sobre isso porque não querem ter suas ilusões destruídas.



Esta filmagem tomada de um balão atmosférico em alta altitude definitivamente prova que a Terra é plana, o Sol pequeno e próximo.





NUNCA fomos ao espaço. O espaço sideral como nos foi ensinado simplesmente não existe. Nada sai do domo ou da cúpula que limita os céus. A principal consequência dessa verdade é que nunca fomos à Lua. Há uma postagem sobre essa farsa nesse blog
Todos os foguetes lançados e que supostamente levaram um ônibus espacial ou uma cápsula ao espaço na verdade caíram no mar. Mas a televisão somente mostra a trajetória ascendente do foguete. Quando ele começa perder altitude e vai se inclinando as imagens são cortadas. Pouco tempo depois entram imagens manipuladas pela NASA mostrando a nave já no espaço. Hoje todas a supostas imagens do espaço divulgadas pela NASA são feitas em programas de computação gráfica avançada, inclusive as imagens dos satélites,planetas, estrelas e galáxias.



Desde a idade média, o mundo científico tem estabelecido teorias como absoluta verdade quanto ao formato da terra e o seu funcionamento dentro do suposto sistema solar.
A Nasa solidificou de uma vez por todas essa idéia como verdade absoluta após tirar supostas fotos diretamente da superfície da lua.
Contudo, existem experiências científicas, décadas antes como as de Auguste Piccard, um suíço físico , inventor e explorador , conhecido por seus recordes de vôos em balão de ar quente, com o qual ele estudou a atmosfera da Terra e raios cósmicos.
Em 27 de Maio de 1931, Auguste Piccard e Paul Kipfer decolaram de Augsburg , Alemanha , e atingiu uma altitude recorde de 15.781 m
Durante a subida, a bola de alumínio começou a vazar. Eles estancaram desesperadamente com vaselina e resíduos de algodão, parando o vazamento. Na primeira meia hora o balão se atirou para cima nove milhas. Através das escotilhas, os observadores viram a Terra através de uma névoa cor de cobre e depois azulada. Parecia um disco plano com bordas viradas pra cima. No nível de dez milhas o céu aparecia um azul profundo e escuro. Com observações completas, os observadores tentaram descer, mas não conseguiram. Enquanto seus tanques de oxigênio esvaziavam, eles flutuavam sem rumo sobre a Alemanha, Áustria e Itália. O ar frio da noite contraiu o gás do balão e trouxe-os para baixo em uma geleira perto de Ober-Gurgl, Áustria, com uma hora de oxigênio de sobra."
Fonte: Popular Science Magazine
Durante este vôo, Piccard foi capaz de reunir dados substanciais na atmosfera superior , bem como medir os raios cósmicos.
Os exploradores colheram amostras do ar superior, "ar azul", como Piccard relatou que ele parecia, em cilindros. A Análise pôde provar que esse ar é excepcionalmente rico em ozônio, um gás um azul intenso, supostamente responsável pela camada da atmosfera ondas de rádio.
Piccard comprovou com seus próprios olhos que a terra é plana!
Que é rodeada por bordas viradas para cima, as geleiras da antártida que circundam a terra,
e que há águas acima do domo!!!
O mais inquietante é que a ciência ignorou seus depoimentos sobre a terra plana e a história abafou suas incríveis descobertas.
De que há um Criador Ele é o que está assentado sobre o círculo da terra, cujos moradores são para ele como gafanhotos; é ele o que estende os céus como cortina, e os desenrola como tenda, para neles habitar; Isaías 40:22
Que o céu é o Seu trono,e a terra o estrado dos meus pés... Atos 7:49
Louvai-o, céus dos céus, e as águas que estão sobre os céus. Salmos 148:4
Ele é o que edifica as suas câmaras superiores no céu, e fundou na terra o seu domo, e o que chama as águas do mar, e as derrama sobre a terra; o Senhor é o seu nome.
Amós 9:6-6





Como a Terra é plana há limites conforme se ver no mapa. Os limites são bordas de gelo que no mapa tradicional e falso da Terra esférica se confunde com a Antártica. Se você ainda nãoviu a borda da Terra, veja o vídeo e comprove por si mesmo. A Terra é Plana.



Esse vídeo é um dos mais impressionantes já feitos. Foi feito no Alaska durante o Verão ou Outono no Norte, pois nesse período do ano o Sol gira ao redor da Terra Plana segundo uma trajetória circular menor (mais fechada),permitindo assim vislumbrar a noite no horizonte de um lado (inclusive com Lua Cheia) e o dia no horizonte do lado oposto. Era só o que faltava para corroborar o modelo de Terra plana. Em um modelo de Terra esférica tal filmagem seria IMPOSSÍVEL.









Nenhum comentário:

Postar um comentário